“Apassionata”

A sonata nº23 para piano de Beethoven é apelidada de “Apassionata”. É uma das mais belas do gênio de Bonn. Estava a procura de uma interpretação específica dessa peça e no YouTube cheguei a um certo Guy Marchand e a sua “La Passionata”.

Nada ver coisa com outra. Achei engraçado e postei nesse sítio. O leitor amigo pode vê-la abaixo. É disparado o despacho mais acessado, graças às ligações vindas dos mecanismos de busca. Milhões de pessoas acordam todos os dias dispostas a procurar por “La Passionata” e não a “Apassionata” de Beethoven. O objetivo das buscas é provavelmente é uma marca de sutiãs e não a “La Passionata” de Guy Marchand e seu clip musical tosco. Mas reparem no plano fechado dos pés da dançarina flamenca, martelando o tapete enrugado. Genial. Marchand continua na ativa. Fez filmes aqui e ali, programas de TV e tem carreira sólida no populacho francês. Sim, porque francês quando quer ser brega é imbatível.

Quem preferir ver a Sonata 23, com Claudio Arrau, aproveita. É o primeiro movimento, no final do video dá para ver os próximos três.

https://youtu.be/HDZFDf4sHs0

-“La Passionata” de Guy Marchand

Para ver Guy Marchand (vale pela nonsense da coisa toda). Procure também “Destinée”, trilha do filme “Les Sous-Doués en Vacances”, uma bobagem sem tamanho com o grande Daniel Auteil no elenco.

4 comentários em ““Apassionata”

  1. Tenha Santa Pasciêncionata.
    De qualquer forma foi um prazer ouví-los ao mesmo tempo. Valeu a confusão e a falta do que fazer. Santa Pasciência

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.