O Viking da Sexta Avenida

louishardin_moondog-e1291746349452

Escrevi aqui um post sobre a apresentação de Joanna MacGregor e a Britten Sinfonia em São Paulo. Disse que ela tinha dreads e, por essa razão, é um post muito acessado. Foi um dos melhores concertos que já vi. Pesquisando um pouco sobre Joanna e descobri suas leituras do trabalho de Louis Thomas Hardin, aka Moondog, ou o “Viking da Sexta Avenida”.

Cego, inventava seus próprios instrumentos e viveu pelas ruas de Nova Iorque por 20 anos, vestido com roupas , que ele mesmo costurava, inspiradas no deus Thor. Percurssionista de origem, Moondog passeava por temas folclóricos, canções de inspiração urbana e pirações de “cabeça de gênio”. Ora difícil, ora sutil, a obra de Moondog é a essência de sua vida outsider. Não tão complexo quanto Walter Smetak , não tão exuberante quanto Hermeto Paschoal, a poética melancólica põe Moondog no grupo iluminado daqueles que vivem numa dimensão à parte, um universo particular, muito além de seus contemporâneos.

Leia mais sobre Moondog, aqui .
E aqui.


Uma brincadeira com tempos de música.


Moondog, Lament.


Além da Britten, já suas peças já foram tocadas pelo Kronos Quartet, Anthony and Johnsons e Janis Joplin.

Não confundir com o mítico wrestler Moondog, morto num acidente de automóvel em 1981[ad]

(Agosto de 2008)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.